Liderança da IASD ataca a Imprensa depois de reportagem sobre “Máfia Adventista em Angola”

TRIBUNAL JULGA PASTORES ADVENTISTAS POR RAPTO DE SEU PRESIDENTE, PASTOR DANIEL SEM

Sete dirigentes da Igreja Adventista do 7º Dia começaram a ser julgados ontem, na sala de Crimes Comuns do Tribunal do Kilamba Kiaxi, por supostamente estarem envolvido no rapto do então presidente da Associação Missão Norte desta congregação religiosa, pastor Daniel Sem, e exigido resgate de 100 milhões de Kwanzas.

Este processo tem como arguidos João Alfredo Dala (42 anos), Garcia José Dala (50 anos), João Sonhe (49 anos) e os pastores Teixeira Mateus Vinte (39 anos), Adão António Dala Hebo (43 anos), Bormusa Sibanda (60 anos), Pasmora Achalinga (57 anos) que respondem em liberdade.

DIRIGENTE REPUDIA ACTUAÇÃO DE JORNALISTAS SOBRE O JULGAMENTO DE PASTORES ADVENTISTAS
O Responsável da Igreja Adventista do Sétimo Dia para a Região Norte de Angola, Pastor Augusto Artur, repudia a actuação dos jornalistas que reportaram a primeira sessão de julgamento no dia 29 de Setembro de 2017 em Luanda e pede calma aos seus membros.

Posição da Igreja sobre Julgamento de Pastores

O SEQUESTRO ANALISADO POR UM JURISTA

Doutor Isaac Paulo, Jurista, analisa os factos do caso sequestro supostamente envolvendo Pastores e membros da Igreja Adventista do Sétimo Dia em Luanda, Angola.

CARTA PARA O PASTOR TEIXEIRA VINTE.

Carissimo pastor,em primeiro lugar saudo-te na paz do SENHOR. Em segundo,penso que leia a carta de Paulo aos romanos 3:23-24 que diz: “Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus. sendo justificados gratuitamente pela graça, pela redenção que há em Cristo Jesus”.

Pastor fica difícil eu acreditar nas notícias ouvidas, tanto na comunicação e nas redes sociais, apesar daquilo que o senhor é. Quando a grande caricatura, feito pelo teu irmão em guardar o sábado JOSÉ KALUPETEKA, o senhor foi o porta voz da IASD na TPA e na RNA,com rosto de santinho. A humilhar o seu irmão perante Angola e o mundo.

O senhor lembra o capítulo que diz que: ANTES DE TIRAR O LIXO NO OLHO DO OUTRO, PRIMEIRO TIRA O QUE ESTÁ NO TEU? E aquele que diz: NÃO HÁ JUSTO NEM SEQUER? Mas o senhor ultrapassou no limite. Logo nos fez perceber que, a maioria dos líderes da IASD, São lobo devoradores. Porque não é normal práticar uma acção que tu contradiz diariamente.

Será que, a IASD não segue mais os mandamentos de CRISTO como regra de fé? O que prima a moral das igreja é: AS IGREJAS SÃO PARCEIRO ESTRATÉGICO DO GOVERNO, PARA A EDUCAÇÃO DA JUVENTUDE,E É A PORTA DE REINTEGRAÇÃO NA VIDA SÓCIAL.

E agora como será, se o senhor a liderança mergulhou no chafurderio de marginais? Qual será o ponto crucial da pregação do TERCEIRO ANJO? que exemplo vai se dar aos novos conversos ou aos neófitos na Mensagem?

Uma das minhas palavras é: SE ENCONTRAR COM O KALUPETEKA, FIQUE NA MESMA CELA, E PEÇA DESCULPA PELA AQUELAS PALAVRAS HIPÓCRITAS QUE PROFERISTES CONTRA ELE. E QUANDO SAIR PENSA DESCULPA A NÓS QUE SOMOS POVO ANGOLANO DE CABINDA AO CUNENE.

O senhor te ilumine e arrepende-te. Este coração de Judas deve ficar na cadeia,antes que não vem estragar um povo pacato, que trabalha dia e noite, para que, quando o SENHOR JESUS vier tenha parte da vida eterna. Já sofremos nesta terra,por favor não fique mais na porta perturbar os que quer entrar.

By herdeiro do reino.

A CONSPIRAÇÃO DENTRO DA IGREJA DO SÉTIMO DIA

Por:#Lúcio_Niuka

Pastor adventista Daniel cem, foi alvo de uma conspiração orquestrado infelizmente pelos seus colegas líderes na mesma denominação religiosa.

Segundo informações a circular nos orgãos de difusão massiva, desde o
pretérito ano 2015 dão conta que Pastor Daniel Cem foi alvo de um rapto pelos seus colegas líderes, em virtude do mesmo reunir perfil para potencialmente assumir um cargo de mais elevada dimensão.

Muitos de nós estávamos longe de entender que o trabalho de máfia não fazia parte no seio de líderes e fieis de denominações religiosas cristãs, partindo do pressuposto de que a igreja cristã é uma reserva moral, onde são repudiados com veemência todas condutas indecorosas que beliscam o seu bom funcionamento, tal como na Igreja Primitiva referenciada no livro de Atos dos Apostólos.

Felizmente, o processo já está a ser apreciado nas barras do Tribunal Dona Ana Joaquina.

Quero fazer fé que este acto que não dignifica qualquer denominação religiosa cristã, termine só apenas na denominação mencionada e que não se estenda nas outras.

Que a igreja cumpra escrupulosamente os princípios pelos quais norteiam a sua criação. Será que a burguesia dentro da igreja é que despoleta actos de perseguição e conspiração sem tréguas? Ou existe o enriquecimento ilícito nas igrejas em detrimento do pacato fiel que propiciam tais práticas?
Estas são algumas questões que ficam no ar!

Portanto, a vida humana é um bem protegido do ponto de vista secular e do ponto de vista religioso. Ninguém, por capricho próprio tem o direito de retirar o bem sagrado se não àquele que a deu (Deus).

By: L Niuka.

2 comments on “Liderança da IASD ataca a Imprensa depois de reportagem sobre “Máfia Adventista em Angola”
  1. Pingback: Liderança da IASD ataca a Imprensa depois de reportagem sobre “Máfia Adventista em Angola” | Adventistas.Com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *